Rotulado: “mito da conspiração”