Partiu tomar vacina em SP

Origem

 
No dia 7 de dezembro de 2020, o governador de São Paulo João Dória (PSDB) anunciou um plano de vacinação gratuito contra a Covid-19 de forma independente ao Ministério da Saúde. De acordo com a programação estabelecida, alguns moradores de São Paulo poderiam receber a vacina CoronaVac, produzida pela SinoVac em parceria com o Butantan, a partir do final de janeiro de 2021, obedecendo ainda alguns critérios de prioridade. Estes, por sua vez, foram criados para organizar os períodos de vacinação de maneira a priorizar indivíduos inseridos em grupos de risco, em situação de vulnerabilidade social ou em contato constante com infectados, como trabalhadores da saúde, indígenas, quilombolas e idosos.
 
Entretanto, mesmo que exista uma ordem e critérios prioritários para o recebimento da vacina, uma fala de Dória animou moradores de outros estados do país, que aguardam posicionamentos mais claros do Ministério da Saúde. “Todo e qualquer brasileiro que estiver em São Paulo e pedir a vacina receberá gratuitamente. Não precisará comprovar residência em São Paulo […] Nós fazemos parte do Brasil e aqui vacinaremos todos que precisam ser vacinados”, disse o governador, que recebeu as primeiras 120 mil doses da CoronaVac no dia 19 de novembro.
 
Nesse contexto, mesmo que a vacina ainda não tenha sido regularizada pela Anvisa, o plano de vacinação de São Paulo e a fala de Dória animaram muitos brasileiros de outros estados, que começaram, por sua vez, a criar e compartilhar memes sobre a possibilidade de visitarem São Paulo. Em meio a isso, também circularam diversos memes entre paulistas, sobretudo de maneira a ironizar uma certa competição com outros estados, como o Rio de Janeiro, reforçando ainda uma suposta superioridade de São Paulo.
 

Difusão e Repercussão

 
Os memes sobre a vacinação em São Paulo tomaram as mídias sociais no mesmo dia no qual foi feito o lançamento do referido plano. Circulando principalmente no Twitter, diversos foram os memes compartilhados, o que fez a expressão “PARTIU SP” ocupar os assuntos mais comentados da rede no contexto brasileiro do dia 7 de dezembro. No TikTok também foram vários os vídeos compartilhados, sobretudo aqueles nos quais indivíduos festejavam a possibilidade de serem vacinados. Além disso, os memes viraram notícia ao serem veiculados por sites como UOL, Catraca Live e Diário do Rio.
 

Gênero e Formatos

 
Os memes relacionados à vacinação em São Paulo foram diversos e brincaram com diferentes questões, seja adotando gírias ou palavras do léxico paulista para simular o pertencimento ao Estado, seja compartilhando GIFs, vídeos e imagens para ilustrar diversas reações frente ao lançamento do plano de vacinação.
 
Assim, observamos uma forte presença de memes dos tipos Reaction Face e Reaction GIF, que expressam a reação do interlocutor a algum acontecimento, além de memes nos formatos Image Macro e Exploitable, aqueles que respectivamente apresentam uma imagem com uma legenda sobreposta ou que são criados a partir da sobreposição de ícones e de elementos recortados. Além disso, também circularam em grande escala memes do tipo Catchphrase, que costumam conter bordões, slogans ou sentenças marcantes. Nesse caso, as expressões disseminadas foram “PARTIU SP” e “Partiu tomar vacina em SP”.
 

Exemplos Notáveis

 

 
As 30 personalidades de Lelê a 80km/h
0 publicações
0 comentários
Nome
Letícia Sabbatini
About / Bio
Lelê a 80km/h já foi aspirante a pedreira, médica, chefe de cozinha e bailarina. Acabou caindo no jornalismo por escolha de suas outras 26 personalidades (viva la democracia!). Mestranda em Comunicação pela UFF e jornalista pela UFRRJ, Letícia se dedica a pesquisar tecnologias com recortes de gênero, mas também é obcecada por Masterchef, filmes da Disney e séries de investigação criminal.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *