Turista da Morte / Tourist Guy / Tourist of Death

turimage002

O meme Tourist Guy é uma sequência de imagens exploitables em que seu protagonista é o húngaro Péter Guzli, um jovem que, em setembro de 2001, logo após os ataques terroristas de 11 de Setembro, teve uma fotografia sua no World Trade Center em Nova Iorque circulando por toda a internet. A imagem, manipulada pelo Photoshop, apresentava em destaque um avião que se direcionava à torre ao fundo. Orgulhoso da montagem, Guzli enviou a alguns amigos, como piada. Segundo Linda Börzsei, “A imagem se tornou viral, e uma história começou a circular, dando conta de uma explicação de que a câmera fotográfica do rapaz havia sido encontrada entre os destroços das torres colapsadas, com a imagem de um turista que teve sua foto captada segundos antes da colisão do avisão. A fotografia foi enviada em massa (…), incitando todo tipo de teorias da conspiração.”

A foto original foi tirada em 1997 por Guzli. Antes, porém, de a verdade ser descoberta, o empresário brasileiro José Roberto Penteado chegou a assumir a autoria da imagem.

Após circular pelos fóruns do Something Awful, o meme chegou inclusive a ganhar um site com domínio próprio, o Tourist of Death. Guzli foi também, desde então, protagonista de uma série de outras montagens “em tragédias históricas ou ficcionais, como o assassinato de Abraham Lincoln e a ameaça de bomba no ônibus do filme Velocidade Máxima, de 1994” (BÖRZSEI, 2012), além de ter originado montagens que o relacionavam ao personagem Wally (“Waldo”), dada a característica de escondê-lo em determinados pontos da imagem.

A foto foi reconhecida como montagem em novembro de 2001, pelo próprio Guzli, mas a confissão não se tornou tão popular quanto o hoax. Em 2011, Guzli redigiu uma nota pública com pedido de desculpas, no décimo aniversário dos ataques (BÖRZSEI, 2012).

1 comentários

  1. Renato Maia disse:

    primeiro

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *