Não fecha a porta, tá?

Origem

Isabela Horst ficou famosa através de um vídeo gravado e postado pelo seu pai no Youtube, em 30 de setembro de 2010. Em apenas um mês, a gravação com a bebê pedindo para o pai “não fechar a porta” já havia sido viralizada e caído no gosto dos internautas!

Gênero & Formatos

O meme do “Não Fecha a Porta” é baseado na remixagem do vídeo original de Isabela. Tal remixagem se dá pela fragmentação das partes da fala da menina, e tem sido uma das principais características observadas em diversos memes (especialmente os que circulam em vídeo). O Youtube, assim como outras plataformas de vídeo online, possibilita que a cultura participativa ganhe espaço na construção de novas linguagens. O vídeo em questão ganhou versões em funk, música eletrônica e em vários outros estilos musicais, mas o original continua sendo o mais visualizado até hoje.

Difusão e Repercussão

Os pais de Isabela souberam aproveitar a fama da menina e transformá-la em benefícios para ela própria. Devido a complicações na hora do parto, seu braço direito não possuía todas as funcionalidades e nem coordenação motora.

O sucesso do meme, no entanto, fez com que ela fosse convidada para programas de televisão e para estrelar um comercial de roupas. Além disso, o próprio Youtube tornou-se parceiro do canal, fazendo com que a publicidade embutida nos vídeos gerasse uma fração de renda para a família. Esse dinheiro ajudou a pagar consultas médicas, fisioterapia, hidroterapia e aulas de balé para Isabela. Os pais da menina ainda afirmaram que uma parcela foi separada para a criação de uma poupança que ajudará a bancar os estudos de sua filha.

Apesar do sucesso, a fama da menina durou aproximadamente três meses (embora, até hoje, ela seja reconhecida). Seu pai passou a publicar uma quantidade menor de vídeos, com intervalos cada vez maiores. O motivo, segundo ele, foi o medo da superexposição pela qual sua filha estava passando com tão pouca idade. O canal continua ativo e o último vídeo veiculado – até a data de publicação desse artigo – foi em 2014. A página no Facebook intitulada “Menina Isabela” é mais atuante. Por lá, ainda encontramos publicações mais recentes – muitas delas fazendo piada com o famoso vídeo do “Não Fecha a Porta”.

Hoje, a ruptura que Isabela sofreu nos nervos do braço foi resolvida com cirurgia e, apesar de ter que fazer fisioterapia até sua adolescência, essa melhoria tornou-se possível graças ao seu sucesso online. No fim, a menina que ainda nem conseguia formar frases completamente compreensíveis acabou pagando seu próprio tratamento de saúde.

Exemplos Notáveis


1 comentários

  1. Renato Maia disse:

    primeiro

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *