Catioro e Gatíneo

Origem

Em Maio de 2015, o carioca Carlos Alencar criou a fanpage no Facebook“Dog Reflexivo”, com o intuito de reunir amantes de cachorros. A página, no entanto, passou por um período de inatividade. Posteriormente, em Março de 2016,seu nome foi substituído por “Catioro Reflexivo”, após Carlos ver os memes com montagens de “catioro ou bolinho?”, “catioro ou sorvete de flocos?”. Em seguida, os gatos foram acrescentados à página, porém chamados de “gatíneos”, como Carlos havia notado uma menina falar em um post. A partícula “íneo” passou a fazer parte da linguagem da página, substituindo, portanto, todos os sufixos “inho”.

Difusão e Repercussão

A combinação de catioros, gatíneos e outros bichíneos fofíneos ganhou o gosto do público, o que aumentou a quantidade de curtidas da página – atualmente, já são mais de 2.800,000 mil likes – e fez surgir um novo dialeto na internet. Os perfis do “Catioro Reflexivo” no Twitter e no Instagram possuemmenos seguidores, porém acumulam alguns milhares de fãs que, constantemente, interagem nas páginas (além de ajudarem o próprio criador da página, enviando-lhe imagens e ideias de posts).

Gênero & Formatos

O meme consiste em postar imagens de animais graciosos acompanhadas por frases no dialeto da página.

Gramática/Sintaxe

Além de dizer “catioro” no lugar de “cachorro”,o dialeto propagado pela página “Catioro Reflexivo” consiste em trocar o sufixos “inho” e “inha”, usados de forma carinhosa, por “íneo” e “ínea”.

Exemplos Notáveis

 

Mohandas Garoto Cético do Terceiro Mundo
0 publicações
0 comentários
Nome
Mohandas Souza
About / Bio
Iniciado nos mistérios filosóficos, mestre na arte da dúvida, Mohandas Garoto Cético Do Terceiro Mundo despertou de seu sonho dogmático ao conhecer David Depois Do Dentista e seu estranhamento da vida real na internet. Igual a São Tomé, preferiu ver para crer e buscou contato com estudos da cultura digital na graduação em Estudos de Mídia na UFF. Suspeita (sem ter certeza, é óbvio) que os memes são mais do que uma simples brincadeira digital. Ou não.
 
 

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *