Origem

Nada mais propício a virar meme do que a seguinte receita: pessoa famosa + ensaio fotográfico + notícia sobre sua vida pessoal.

Como uma das grandes celebridades virtualmente engajadas, não poderíamos esperar menos do que o surgimento de vários memes de Beyoncé, logo após o anúncio de sua segunda gravidez – confirmado a partir de uma foto que a cantora divulgou em seu Instagram.

No dia 1º de fevereiro de 2017, a internet ‘quebrou’ com essa informação e, quase que instantaneamente, surgiram diversos fãs, haters e sites de notícia falando sobre o assunto.

Gênero & Formatos

Como a notícia saiu no Instagram, primeiro, tivemos o efeito viral (onde a imagem e a mensagem que ela carrega são compartilhados sem nenhuma alteração). Porém, rapidamente, a notícia virou meme, circulando principalmente em comentários do Twitter e estampando montagens feitas em cima da foto original, no formato Exploitable.

Difusão e Repercussão

A repercussão deste meme foi muito rápida e dominou diferentes canais de comunicação e conversas no Facebook e Twitter, especialmente nos dois dias que se seguiram. Pudemos encontrar propagandas de marketing em sua homenagem, um vídeo feito pelo elenco da série “Grey’s Anatomy”, a capa do Jornal Meia Hora e, até mesmo, uma crítica em tom de brincadeira no site Sensacionalista.

Exemplos Notáveis

 

Dandara Bolada
3 publicações
2 comentários
Nome
Dandara Magalhães
About / Bio
Dandara Bolada é mestranda pelo Programa de Pós-graduação em Comunicação da UFF e participante ativa do #MUSEUdeMEMES desde sua graduação, onde foi bolsista de extensão do projeto. Como bondosa presidenta dessa nação memética, preocupa-se em pesquisar o universo dos memes e charges políticas (e mantém um olho no golpe e outro no Temer). Soberana e poderosa, a Bolada é rainha o resto nadinha. VLW FLW
 
 

1 comentários

  1. renato disse:

    Ótima iniciativa. Sugiro colocar o meme “original” (a foto ou vídeo que originou a brincadeira) dentro dos artigos. Isolado, sem incorporado a nenhuma montagem, brincadeira ou comentário

Deixe uma resposta para renato Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *